De Segunda a Sexta-feira
Das 10:00 às 19:00h.

R. Serra de Botucatu, 660 - Sl. 28
Tatuapé - São Paulo/SP

11 2667-0549
11 2667-0552
11 98948-6595

baropodometria

O que é Baropodometria (Teste da pisada)?
Baropodometria é um exame computadorizado que mede e quantifica as pressões nas diversas partes da planta do pé durante o apoio. Estas pressões podem ser medidas com o paciente parado (fase estática) ou com o paciente caminhando (fase dinâmica).

Como é feito o exame de Baropodometria?
O exame consiste em uma fina plataforma com inúmeros sensores de pressão conectada a um computador. O exame é realizado em duas fases: a estática e a dinâmica.

Na fase estática, o paciente permanece sobre a placa apoiando os dois pés enquanto são coletados os dados da variação de pressão, variação do centro de gravidade e o tipo de pisada.

Na fase dinâmica, o paciente caminha normalmente e realiza um passo sobre a placa, pisando cada pé separadamente, isto é, apoiando um pé de cada vez. Nesta fase pode-se avaliar a trajetória dinâmica da carga corporal, o tempo de apoio em cada parte da planta do pé e os picos de pressão durante a marcha.

Para que serve a Baropodometria?
A baropodometria serve para quantificar e avaliar com maior precisão o tipo de pisada e as alterações que as doenças que envolvem os pés causam na marcha do paciente.

Tipo de Pisada: Avaliação da pisada neutra, pisada pronada (pé chato, pé plano) ou pisada supinada (pé cavo, pé alto).

Calosidades: Determina as áreas de maior pressão e correlaciona com possíveis calosidades plantares.

Dor plantar: Avaliação de metatarsalgias (dor na porção plantar e frontal do pé).

Áreas de risco (Diabetes): Ótimo exame para mapear as áreas de maior pressão na planta do pé, prevenindo lesões pela perda da sensibilidade, que coloca em risco o aparecimento de úlceras de pressão e feridas em pacientes diabéticos.

Alterações Anatômicas: Avaliação de traumas, amputações e deformidades congênitas do pé que causam transtornos por alterações do apoio e da marcha.

Prescrição de Órteses: A baropodometria nos auxilia a prescrever palmilhas e outros tipos de órteses plantares com maior precisão.

Avaliação de Tratamentos: Permite comparar o processo evolutivo de um tratamento ortopédico, cirúrgico ou conservador, confrontando o estado inicial (primeiro exame) com um estado atual (último exame).